Nome: Marcus Luiz Barroso Barros

Natural: Amazonas
Data nascimento: 29/11/1947
Graduação: medicina - Universidade Federal do Amazonas - 1972
Notório Saber - área de Leishmaniose, emitido pela Fiocruz - 1996
Professor Honoris Causa - Universidade Federal do Espírito Santo

 

Infectologista, instalou e dirigiu o núcleo original da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) em Manaus, que é hoje o Centro de Pesquisa Leônidas e Maria Deane. Foi reitor da Universidade Federal do Amazonas e criou o Museu Amazônico Para a Preservação da Cultura dos Povos da Amazônia Ocidental e o Centro de Ciências do Ambiente. Dirigiu o Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (INPA).

Experiência profissional:

Professor adjunto IV do departamento de Saúde Coletiva da Faculdade de Ciências da Saúde da Universidade do Amazonas, desde 1975.
Pesquisador do INPE desde 1975: criou o laboratório de Leishmaniose que dirigiu de 1979 à 1988, supervisor do curso de residência médica em 1994 e chefe do núcleo de ensino/1995-96
Fundador e primeiro diretor do Hospital Universitário Getúlio Vargas da Universidade do Amazonas, hoje Unoversidade Federal do Amazonas de 1981 à 1983.
Como reitor da Universidade do Amazonas, interiorizou a universidade para onze municípios estratégicos e o exame de vestibular para cerca de 60% dos municípios amazonenses. Reformulou 80% do currículo escolar incluindo os cursos de Engenharia Florestal e de Engenharia de Pesca. Criou também o Centro de Ciências do Ambiente e o Museu Amazônico para a preservação da cultura dos povos da Amazônia Ocidental.
Na gerência da Fiocruz/Amazonas elaborou o planejamento estratégico para a criação das linhas de pesquisas. Publicou o Atlas "Espaço e Doença - Um olhar sobre o Amazonas", coordenou a expedição científica Rio Negro/Rio Branco que resultou no livro "Revisitando a Amazônia de Carlos Chagas. Da borracha à biodiversidade".
Em seu rico currículo constam, ainda:

  • quatorze cargos e /ou funções de relevância;
  • orientação de quatro trabalhos científicos;
  • participação em bancas e comissões examinadoras em dezesseis sociedades e fundações nacionais e internacionais;
  • é membro da New York Academy of Science;
  • participou de 103 conferências, palestras, mesas-redondas, cursos e eventos científicos nacionais e internacionais;
  • exerceu quatorze atividades no exterior.

 

 

Para mais informações clique aqui 

 

 

 

 

Pesquisa